7 de dezembro de 2013

Oração do Boi



Meu Deus, dai-me... Tempo!
Os homens sempre’estão me conduzindo
E não conseguem entender que eu não consigo ir
tão depressa...

Dai-me tempo para comer.
Dai-me tempo para caminhar.
Dai-me tempo para dormir.
Dai-me tempo para pensar.

Que assim seja!


*** Versos de Carmen Bernos de Gasztold (1919).
Tradução e incrustações tipográficas: Peter O’Sagae (2013).

Há 20 anos quem deu voz a esse Boi foi Paulo Goya que, a propósito, domingo 8 de dezembro participa das eleições para o Conselho Participativo Municipal de São Paulo, vote 82.061.